Gabriel Veron teve venda encaminhada há dois meses e já recusou clube da Premier League

Gabriel Veron teve venda encaminhada há dois meses e já recusou clube da Premier League

O FOXSports.com.br apura há algumas semanas sobre o interesse dos clubes do Velho Continente no garoto de 17 anos, e nesta segunda-feira, obteve a informação com fontes ligadas ao Palmeiras que o clube foi procurado por agentes que se apresentaram como representantes do Everton, da Inglaterra, com interesse em abrir negociação pelo atacante.

A oferta apresentada foi, inicialmente, considerada ‘muito baixa’ pelo Palmeiras, que prontamente recusou a proposta inglesa.

O clube paulista, entretanto, ao lado dos representantes de Gabriel Verón, conduziu uma negociação que se estendeu até o mês de fevereiro deste ano com um clube europeu, que de fato fez uma oferta que agradou ao clube e aos empresários do atleta. O nome deste time tem sido trabalhado em sigilo pelas partes.

Este clube europeu observou o garoto durante todo o Mundial Sub-17, no qual o atleta esteve com a Seleção Brasileira e conquistou o título, e ainda veio ao Brasil para assistir a uma partida do Campeonato Paulista para observar mais uma vez a joia palmeirense.

Após realizarem uma reunião no Brasil, os representantes do atleta foram à Europa para um segundo encontro com dirigentes deste clube. Em seguida, foi apresentada uma oferta ao Palmeiras. A proposta agradou aos dirigentes.

Porém, toda a negociação foi interrompida em meados de março por conta do início da pandemia do Covid-19. A paralisação do calendário europeu e brasileiro, além da perda de investimento financeiro por parte de alguns clubes da Europa, fizeram com que as negociações fossem paralisadas. A proposta enviada ao Palmeiras era semelhante à realizada pelo Manchester City ao atacante Gabriel Jesus, em 2016. Na época, o atacante foi contratado na janela de agosto, mas permaneceu no Brasil até o final do ano e em seguida foi à Inglaterra.

No caso de Gabriel Verón, o atleta seria negociado, mas só poderia ir para a Europa em 2021, uma vez que o atacante só completa 18 anos em setembro, idade mínima permitida para transferências internacionais. Agora, porém, com as negociações paralisadas, o Palmeiras e os representantes do atleta aguardam uma nova investida do futebol europeu, e dois fatores podem ‘ajudar’ na ida do atacante para a Europa: o câmbio e o tempo.

Caso a oferta chegue ao Palmeiras em meados de outubro, data estipulada para que seja aberto o tradicional ‘mercado de verão na Europa’, Verón já terá completado os 18 anos e terá a permissão para ir direto para o Velho Continente. Outro fator é o valor do euro em relação ao real. O câmbio de desvalorização do real em relação ao euro pode fazer com que o Palmeiras embolse uma quantia significativa e feche negócio.

Fonte :
Verdão Web

Comentários

0 comentários