Hackers que tocaram terror na Globo são revelados e público fica do lado dos criminosos – Comunidade F7

A Globo mostrou que está mais do que vulnerável ao ataque de hackers, e o pior para a emissora é ver seu público apoiando os criminosos.

Na noite de sábado, 17, muita gente que tinha o GloboPlay instalado no celular se surpreendeu ao dar de cara com uma notificação no mínimo estranha. Muita gente achou se tratar de um anúncio diferente de uma nova série do streaming da Globo, mas na verdade o serviço foi mesmo invadido por hackers.

Os próprios hackers se identificaram nessa notificação e imediatamente informações sobre o grupo foram parar nas redes. “É um grupo que atua para, em tese, mostrar falhas de segurança – mas sendo mais considerado um grupo de ‘cibervandalismo’, usando as invasões para promoverem os seus próprios serviços de segurança digital”, informou um.

“Sim, a Globoplay foi hackeada. O Ourmine é um grupo hack que já hackeou outras empresas como Netflix e Facebook. Entretanto, eles não roubam dados. Apenas fazem propaganda dos serviços deles. Por segurança, não abram o app por enquanto e se informem no site da Globo”, sugeriu outro.

Um fato interessante é que essa própria empresa de tecnologia fez questão de pedir explicitamente divulgação nessa notificação. Eles pediram para que quem viu o anúncio do hackeamento ajudasse a subir no Twitter a tag #GloboHack, fazendo referência à emissora carioca e ao ato feito por eles.

Público atendeu

Surpreendendo todo mundo, pouco tempo depois a tag #GloboHack, feita pelos hackers, estava entre os assuntos mais comentados do Brasil. “To chorando que os caras invadiram a globoplay só pra divulgar o trabalho deles e ainda pediram pra subir hashtag no twitter, e conseguiram”, brincou um internauta.