Palmeiras ganha concorrência e rival inicia negociações com Daniel Munoz

O Palmeiras não está mais sozinho na briga pelo lateral-direito colombiano Muñoz, do Atlético Nacional. Nas últimas horas, o Flamengo entrou na parada e tenta fechar a contratação do jogador em definitivo, para tê-lo como reserva de Rafinha.

E o Fla leva uma vantagem grande em relação ao rival: é que o Palmeiras tem uma dívida de US$ 3 milhões com o Atlético Nacional referente à compra de Borja. Os colombianos chegaram a levar a cobrança para a Fifa no ano passado e agora querem a quitação antes de conversar sobre a transferência de Muñoz.

A pedida do Atlético pelo lateral foi de US$ 6 milhões ou R$ 26 milhões por 100% dos direitos econômicos. Diretor-executivo do Palmeiras, Anderson Barros esteve na Colômbia nesta semana para tentar bater o martelo, mas voltou sem acordo.

Daniel Muñoz Mejía tem 23 anos de idade e vai para sua segunda temporada com a camisa do Atlético Nacional – na passada, ele disputou 21 partidas e marcou impressionantes sete gols. Em 2020, são mais três jogos e um gol.

Antes, Muñoz havia defendido o Rionegro Águilas, também da Colômbia. Vale lembrar que a única posição em que o Flamengo ainda não conseguiu ter um titular com a mesma qualidade do reserva é justamente na lateral.