O técnico Vanderlei Luxemburgo aprovou o novo gramado do estádio do Palmeiras. Depois de a administradora finalizar a instalação de um campo artificial, o Verdão treinou no local na quinta-feira e nesta sexta-feira.

A primeira impressão da comissão técnica palmeirense sobre a grama artificial é positiva. No sábado, a arena será palco de mais uma atividade da equipe alviverde, a última antes do jogo de domingo contra o Mirassol.

– Temos um jogo em casa com um atrativo diferente: a grama nova. Já treinamos e vimos que é uma coisa que vai trazer resultados positivos para nós. Talvez, de imediato, a gente sinta também um pouquinho a diferença, mas estamos treinando, claro que vamos estar mais adaptados – disse Luxemburgo, em entrevista para a TV oficial do Palmeiras.

– Na sequência vai ser um assunto favorável para nós porque sinto que a grama fica muito próxima da grama natural. Só alguns ajustes, que são normais. O Palmeiras deu um toque certo em mudar porque não podemos perder o privilégio de jogar em casa. Com os shows aqui sempre teve ou um campo ruim ou não jogava em casa – completou.

Regularizado no BID da CBF e inscrito no Campeonato Paulista, o lateral-esquerdo Matías Viña, que treinou no time titular na quinta e na sexta, vai fazer a sua estreia pelo Palmeiras. O jogador uruguaio de 22 anos foi elogiado por Luxemburgo.

– Me pareceu bem preparado fisicamente. Botei para treinar e não sentiu absolutamente nada. Vamos ver como vai sair. O torcedor apoiar o jogador, pode ser que cometa algum erro normal pelo nervosismo. Mas é um jogador que mostrar ter um potencial muito grande, de jogador de nível – avaliou o treinador.

O Palmeiras soma dez pontos em cinco rodadas e está na vice-liderança do Grupo B do Campeonato Paulista, dois atrás do Santo André. O rival deste domingo, o Mirassol, está invicto no torneio estadual e hoje ocupa a zona de classificação do Grupo C com nove pontos, empatado com a Inter de Limeira e na frente do São Paulo.

Após uma semana livre de treinamentos, Luxemburgo elogiou o time do interior, mas ressaltou a importância de o Verdão voltar a atuar em casa.

– De todas as equipes menores é a equipe mais forte, está muito bem treinada, vem há bastante tempo treinando para o Paulista. É perigosa no contra-golpe, joga reativa e tem uma transição ofensiva muito rápida. Trabalhei isso e estamos preparados para enfrentar um adversário complicado – declarou o técnico do Verdão.

– É a nossa casa, dois jogos seguidos em casa, obrigação de buscarmos a vitória com equilíbrio e consciência, mas jogarmos com Palmeiras. Em cima do adversário, jogando futebol e o gramado permite isso. Acredito que a gente vai poder fazer um grande jogo – acrescentou.

Essa publicação tem como fonte original:Torcedores

Comentários

0 comments