A tentativa do Grêmio em contratar Raphael Veiga está, por ora, emperrada. O clube gaúcho fez uma oferta pelo meia há alguns dias e até tinha um sinal positivo do Palmeiras, mas não conseguiu um acerto com o jogador.
A oferta feita pelo Tricolor agradou ao Verdão. No entanto, o atleta havia sinalizado suas pretensões para o próximo ano e a proposta gremista ficou abaixo disso, o que fez com que as conversas recuassem. O Grêmio ainda analisa a situação e vê o jogador como “caro” até o momento.
O Grêmio guarda um “tiro certo”, contratação considerada um pouco mais cara, para as posições ofensivas. A chegada de um jogador para o setor criativo do time tem também relação com a situação de Luan, que não deve permanecer. Jean Pyerre foi titular na maior parte da temporada.
Veiga foi o primeiro alvo do Grêmio no mercado revelado. A intenção do jogador, seja no Palmeiras ou em qualquer outro clube, é ter sequência e poder jogar com frequência. O meia foi titular nos últimos dois jogos no Brasileirão e deu assistência para o gol de Zé Rafael na vitória sobre o Cruzeiro.
Os contatos foram feitos antes das mudanças no Palmeiras, com a saída do diretor Alexandre Mattos e do técnico Mano Menezes. Por isso, a situação também depende destas definições. O Tricolor também tentará contratar dois laterais, um goleiro e um volante para a próxima temporada.