Atacante foi eleito o melhor centroavante do Brasileirão no Prêmio Bola de Prata
O Flamengo terminou o Campeonato Brasileiro com 16 pontos à frente do Santos, vice-campeão da competição. Com uma campanha tão dominante, o atacante Gabigol vê o clube carioca “muito à frente dos rivais”, e aproveitou a premiação da Bola de Prata, da ESPN, para dizer que “dinheiro não entra em campo”.
“Tem alguns clubes que têm investimento também; não tanto quanto o nosso, mas bom. E mostrou que dinheiro não entra em campo. Para buscar o Flamengo, tem que treinar bastante, se dedicar, fazer um trabalho diferente do que fizeram nesse ano, porque o Flamengo está muito à frente, não só em investimento, mas em campo, que é o que interessa”, disse, em entrevista após receber o prêmio.
Campeão da Libertadores, do Campeonato Carioca e do Brasileirão, Gabigol disse ter sentido que 2019 foi o ponto alto de sua carreira. “Em termos de número, sim. Em título era o que eu buscava, vim para o Flamengo para ser campeão. Muito feliz de ser campeão do Carioca, Brasileiro, Libertadores e, quem sabe, tem o Mundial também”.
Em premiação que aconteceu na cidade de São Paulo., hoje (9), Gabigol foi eleito o melhor centroavante do Brasileirão pelo Bola de Prata. Ele também está na seleção feita pela CBF, na qual seu companheiro Bruno Henrique foi eleito o craque do torneio. O camisa 9 rubro-negro foi o artilheiro do campeonato com 25 gols marcados.