Um jovem de 22 anos foi morto a tiros após agredir a ex-namorada à frente do pai dela no setor Morada do Sol, em Goiânia, segundo registros da Polícia Civil.

O sogro do rapaz é o principal suspeito do crime, já que, como consta na ocorrência, teria defendido a filha ao vê-la sendo espancada e esfaqueada. Ele foi embora do local logo após o homicídio e não havia sido encontrado até o momento.

Segundo registros policiais, rapaz bateu e deu facadas na moça à frente ao pai dela, que saiu em defesa da filha e atirou contra o jovem. ‘Sogro’ da vítima fugiu em sua moto em seguida.

De acordo com a ocorrência, a vítima estava conversando com a mãe ao telefone quando o rapaz entrou, tomou o telefone das mãos dela e disse à mãe dela, do outro lado da linha: “Você não sabe o que está acontecendo, eu vou matar todo mundo”.

No momento em que a jovem foi esfaqueada, o pai dela chegou na sala de casa e se deparou com a cena. Ele teria pegado uma arma, atirado no homem e fugido do local em seguida.

O autor dos disparos ainda não foi encontrado pela polícia. Não há informações sobre o estado de saúde da vítima esfaqueada, que foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros e sobreviveu.

Muitos estão apoiando o pai, pois agiu em defesa da sua filha, por isso a polícia está tendo dificuldade para encontrar o assassino.