O ex-presidente e atual senador do Uruguai, Pepe Mujica, defendeu a legalização da cocaína no país.
A declaração foi dada em entrevista à emissora mexicana Televisa. Sob seu mandato, o Uruguai legalizou o consumo da maconha, em 2013.
“Deveríamos ter a coragem de legalizar o consumo de cocaína, registrar os consumidores e identificá-los. E aí vamos ter um problema médico, mas, no lugar de gastar em aparatos de repressão, vamos gastar com enfermeiros”, declarou.
Mujica também foi questionado sobre a situação do Uruguai após a legalização do consumo de maconha.
“Eu acho ridículo prender um menino por fumar um cigarro. Eu não recomendo nenhuma droga, pelo contrário. Por que existe o narcotráfico? Por dois motivos: porque existem consumidores e porque proibimos o consumo. E ao proibir, o transformamos em um negócio fantástico, porque tudo que é proibido custa muito mais”, disse.