O Palmeiras rompeu com Mano Menezes e Alexandre Mattos e agora inicia o planejamento para 2020. O presidente Maurício Galiotte quer contratar um executivo para buscar a contratação de um novo treinador.
Os nomes de Paulo Autuori(ex-Santos), Diego Cerri(Bahia) e Paulo Pelaipe(Flamengo), agradam a cúpula palmeirense. Thiago Scuro, do Red Bull Bragantino, foi procurado, mas recusou. O atual gerente de futebol, Cícero Souza, vai permanecer no cargo.
Depois de acertar com o novo diretor, a ideia é contratar um técnico estrangeiro. Óbvio que Jorge Sampaoli é cotado, pelo fato de ficar livre no mercado, após 08 de dezembro. O argentino não ficará no Santos, mesmo com contrato até dezembro do ano que vem. Assim, Autuori pode levar vantagem na disputa por já conhecer Sampaoli. Se não for possível acertar com Sampaoli, o Palmeiras buscará outro profissional.
Há um consenso no clube de que é preciso ser competitivo e comprometido como o Flamengo de 2019. Os trabalhos de Jorge Jesus e Sampaoli escancararam a limitação de muitos treinadores brasileiros. Galiotte quer novidades e um elenco que lute pela vitória em todos os jogos e competições. Por isso, um estrangeiro será buscado.