Carlos Bolsonaro, faz alerta em seu twitter sobre ataques ao seu pai

O vereador Carlos Bolsonaro postou hoje nas redes sociais um vídeo do youtuber Daniel Lopez intitulado “Já está tudo engatilhado em Brasília para derrubar Bolsonaro”. A história contada ao longo de 12m57s é que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e o Centrão estão barrando a votação da medida provisória 870 para conseguir o impeachment de Jair Bolsonaro.
Você nem precisa ouvir todo o longo vídeo. Daniel Perez primeiro conta o que já se sabe: a MP 870 é a da reforma administrativa que diminuiu o número de ministérios –de 29 para 22– e foi  aprovada na comissão especial com modificações como a recriação de duas pastas e a volta do Coaf para o Ministério da Economia, etc.
Lá pelos 8m57s ele argumenta que, se Bolsonaro voltar a ter mais ministérios: o governo terá mais gastos; não terá como cumprir a regra de ouro do Orçamento estabelecida na Constituição; gastará mais dinheiro do que está autorizado a gastar; poderá ser enquadrado na Lei de Responsabilidade Fiscal; o que justificaria um pedido de impeachment.
“E sabe quem aceita o pedido de impeachment? São os presidentes da Câmara? Será que o Rodrigo Maia vai rejeitar os pedidos de impeachment? Vocês estão entendendo que o que está sendo engatilhado é o impeachment do Bolsonaro?” É essa a teoria conspiratória que os bolsonaristas mais radicais agora fazem circular nas redes, impulsionados pelos filhos do presidente.
Dá para entender por que o presidente da Câmara fica tão irritado?.

Fala de Carlos Bolsonaro: “Onde estão os caras feias, os identificadores de problemas, os escritores de cartas para aliados “desbocados”? O silêncio não tem nada a ver com a descoberta de seus devidos lugares. O que está por vir, pode derrubar o Capitão eleito. O que querem é claro!”.

Esse artigo foi extraído do site:Uol

Comentários

0 comments